[POCKET-VIEW] Tudo o que Você Sempre Quis Saber Sobre Sexo (Mas Tinha Vergonha de Perguntar)

Por Matheus Araujo

Dirigida, escrita e estrelada por Woody Allen, esta comédia é uma adaptação curiosa, pois se trata de uma transposição de um livro não ficcional, muito provavelmente, um desses “desbravando a ciência comportamental cotidiana tabu”.

Assim sendo, sem um enredo específico, Woody explora a obra transformando seus capítulos, anteriormente discursivos, em algo como esquetes, curtas cenas que reproduzem suas discussões em diálogos e situações. Uma escolha formidável.

O humor de Allen é inteligente e irreverente, sendo sua influência tranquilamente percebida em obras posteriores, seja no modelo de atuação ou no tom desdenhoso e despreocupado de suas piadas.

Dentre toda sua bizarrice e criatividade, merecem destaque: os créditos com centenas de coelhinhos ao som de “Let’s Misbehave”; o louco caso entre o médico e ovelha da Armênia; o espetacular programa de tv, “Qual é a minha perversão?”, no qual num simples jogo de adivinha, pessoas ganham dinheiro com suas “vergonhas” eróticas; e o icônico esquete de Woody interpretando um espermatozoide, que, digamos, tem medo de uma existência invalidada num azulejo de banheiro ou mesmo no teto.

Dpq3vFdC6D

E diferente do que possivelmente o título possa ter sugerido a você, não há nada explícito. Com exceção, talvez, de um peito gigante e assassino…

Nota: 7,5/ 10.

Anúncios

Um comentário sobre “[POCKET-VIEW] Tudo o que Você Sempre Quis Saber Sobre Sexo (Mas Tinha Vergonha de Perguntar)

O que você acha sobre isso?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s