Oscar 2016: O Regresso de Mad Max, do Brasil, #OscarWhite…

Por Luís Gustavo Fonseca

 

Os indicados ao Oscar de 2016 foram revelados na manhã desta quinta (você pode conferir a lista completa aqui) e, obviamente, como em toda divulgação de lista, há surpresas, ausências, alguns favoritos e já se inicia toda aquela torcida pelo seu filme favorito. Aproveitando o hype sobre o filme com mais indicações desta edição, algumas observações que podem ser feitas sobre os concorrentes:

1) O Regresso… De Leonardo DiCaprio e sua jornada pelo Oscar

Estrelado por Leo DiCaprio e Tom Hardy (ambos indicados a Melhor Ator e Melhor Ator Coadjuvante, respectivamente), O Regresso é o filme com mais indicações este ano: 12. O longa está presente desde categorias técnicas até as mais cobiçadas, como Melhor Diretor (Alejandro G. Iñarritu, vencedor do ano passado por Birdman) e Melhor Filme. Caso consiga a façanha de ganhar em todas as categorias em que está concorrendo, a obra quebrará o recorde dos maiores vencedores da premiação, ultrapassando o seleto grupo composto por Ben-Hur, Titanic e Senhor dos Anéis: O Retorno do Rei (11 estatuetas cada um). Mas o que importa aqui é a torcida para que Leonardo DiCaprio FINALMENTE conquiste o prêmio. É a sexta indicação do ator ao prêmio, sendo que a última foi por O Lobo de Wall Street. Será que agora vai? A concorrência é pesada: Eddie Redmayne (A Teoria de Tudo) tenta seu bicampeonato com A Garota Dinarmaquesa; Michael Fassbender, por Steve Jobs, e Walter Wh… Bryan Cranston por Trumbo são outros bons concorrentes, enquanto Matt Damon figura como o azarão por Perdido em Marte.

Oscar 03

2) O Regresso… De Mad Max e seu sucesso com a crítica

Trinta anos separam A Cúpula do Trovão de Estrada da Fúria. E o retorno do universo pós-apocalíptico criado por George Miller não poderia ser em melhor estilo. O longa abocanhou 10 indicações (o segundo em números), incluindo Melhor Diretor para Miller e Melhor Filme. O duelo com O Regresso será dos mais disputados, mas a obra tem chances, principalmente, nos quesitos técnicos. Este que lhes escreve fica muito feliz do reconhecimento que o filme recebeu da Academia, e adoraria ver Miller levando o prêmio de Direção. Como o primeiro trailer já dizia, “2015 belongs to the Mad!”.

P.S.: Indiretamente, o Tom Hardy está envolvido em 22 indicações em um único ano. Pergunto-me se já houve feito semelhante…

3) O Regresso… do Brasil na disputa

Se, infelizmente, Que Horas Ela Volta? não conseguiu entrar na lista final de Melhor Filme Estrangeiro, o Brasil marca, mais uma vez, sua presença na premiação. Se no último ano, O Sal da Terra foi indicado a Melhor Documentário, e, agora, a honra cabe a O Menino e o Mundo, escrito e dirigido por Alê Abreu, na categoria Melhor Animação. Se as chances de vitória parecem remotas (enfrentará, entre outros, Divertida Mente, que também foi indicado a Melhor Roteiro Original), ao menos o prêmio permite que o público brasileiro tome conhecimento sobre o filme.

Oscar 01

4) O Regresso… da polêmica do #OscarWhite

A edição de 2015 foi marcada pela polêmica do #OscarWhite, quando todos os atores (principais e coadjuvantes) indicados aos prêmios eram brancos. A questão acabou acentuada pelo fato de Selma, filme que contava parte da história de Martin Luther King, ter sido indicado a Melhor Filme, mas não conseguindo indicações em nenhuma outra categoria de peso (a outra indicação foi por Melhor Canção Original, que acabou ganhando). Este ano, o quadro se repete. E não que tenham faltado candidatos que fariam jus a uma indicação: Idris Elba (Beasts of No Nation), O’Shea Jackson Jr. (Straight Outta Compton), Michael B. Jordan (Creed) e Will Smith, que foi indicado ao Globo de Ouro por Um Homem Entre Gigantes são alguns desses exemplos. Fato que o host da premiação deste ano, Chris Rock, não deve deixar passar despercebido.

5) O Regresso… da “rival” de Maryl Streep

Ao lado de Ingrid Berman, Meryl Streep é a segunda maior vencedora de estatuetas entre as mulheres, com três conquistas (ambas estão atrás apenas de Katharine Hepburn, que possui 4 vitórias). A veterana atriz não conseguiu nenhuma indicação este ano (o que não faz muita diferença, já que ela possui 19 ao longo da carreira), mas pode ver uma nova mulher fazer parte do grupo tricampeão: Cate Blanchett é a favorita na corrida de Melhor Atriz, pelo seu papel em Carol. Concorrendo com ela, temos as indicadas pela primeira vez, Brie Larson (O Quarto de Jack e vencedora no Globo de Ouro) e Charlotte Rampling (45 Anos) – em uma indicação que surpreendeu muita gente, Saoirse Ronan (Brooklyn)- sendo esta sua segunda indicação) e Jennifer Lawrence (vencedora de um prêmio e que recebe sua 4ª indicação na carreira por Joy).

Oscar 04

6) O Regresso… de velhos e excelentes maestros

Será a primeira vez, desde 2001, que Ennio Morricone voltará à disputa de Melhor Trilha Sonora, por sua composição em Os Oito Odiados. O maestro italiano nunca conseguiu levar a estatueta (tem apenas um prêmio honorário, recebido em 2007), mas a sua vitória no Globo de Ouro aumentam suas chances de vencer desta vez. Ao lado dele, outros nomes experientes: John Williams (que tem “só” cinco vitórias e 50 indicações) aposta no seu trabalho de Star Wars: O Despertar da Força; Thomas Newman, que possui 13 indicações, disputa por Ponte dos Espiões; Jóhann Jóhannsson, vencedor do último ano, está por trás da trilha de Sicario; e Carter Burwell recebeu sua primeira indicação, por Carol.

7) O Regresso… de Star Wars na disputa

Apesar de ser digna de um 7×1, a prequel trilogy conquistou indicações ao Oscar (vocês acreditam que Ameaça Fantasma foi indicado em 3 categorias?!?!). Nada que fizesse jus ao filme original, que levou pra casa 6 carecas dourados. O Despertar da Força abocanhou 5 indicações, todas da parte técnica. Além de Trilha Sonora, concorre em Edição e Mixagem de Som, Edição e Efeitos Visuais.

Oscar 05

A premiação ocorre no dia 28 de Fevereiro, no Dolby Theatre em Los Angeles, e ainda vai haver muita discussão, torcida, mudança de opinião (mesmo porque muito dos filmes nem chegaram ao Brasil)… Mas, já parou para pensar que podemos estar a 45 dias do fim do meme do Leonardo DiCaprio? Haja coração, amigo!

Anúncios

O que você acha sobre isso?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s