Entre Facas e Segredos

Rian Johnson acerta em cheio ao criar trama de mistério original e que foge do padrão”

Por Luís Gustavo Fonseca

Se há um gênero no cinema que consegue envolver e despertar o fascínio do espectador, de tal maneira que ele se vê praticamente dentro do filme, é o gênero whodunnit, ou “Quem matou?“. Ao longo das décadas, filmes como “Janela Indiscreta“, “No Calor da Noite“, “Chinatown” e “Seven” caíram nas graças do público ao criarem mistérios recheados de intrigas, suspeitos, reviravoltas e resoluções inteligentes e chocantes. “Entre Facas e Segredos” chega aos cinemas não apenas para ser mais um nesta lista, mas para propor uma visão diferente sobre o gênero. Continuar lendo “Entre Facas e Segredos”

Blade Runner 2049

“Denis Villeneuve consegue cumprir a difícil missão de entregar uma continuação à altura do clássico de 1982”.

Por Luís Gustavo Fonseca

Blade Runner” é um dos mais icônicos exemplos de um reconhecimento tardio. Lançado em 1982, o filme foi um desastre de bilheteria, mas ao longo dos anos, transformou-se em um cult adorado por fãs e causou uma revolução dentro do gênero de ficção científica. Entre suas muitas versões, a produção de Ridley Scott tornou-se referência e influenciou obras como “Ghost in the Shell” e “Matrix”. Trinta e cinco anos após o seu lançamento, o longa ganha uma continuação que promete expandir o mundo habitado por humanos e replicantes. Continuar lendo “Blade Runner 2049”