Alice Através do Espelho

“Retorno de Alice ao Mundo das Maravilhas é marcada por previsibilidade e pouca inspiração.”

Por Luís Gustavo Fonseca

A partir do sucesso estrondoso de Avatar, que havia acabado de mudar a indústria cinematográfica ao introduzir de forma definitiva o formato 3D nos grandes blockbusters de Hollywood, é possível compreender o sucesso de Alice no País das Maravilhas. A tecnologia era novidade (e os trailers prometiam uma boa utilização do recurso), e a clássica história de Lewis Carroll ainda contava com a estrela de Johnny Depp e com a direção do veterano Tim Burton. Se hoje, uma das fontes de lucro da Disney são os live actions de suas clássicas animações – como é o caso de Cinderella, Malévola e Mogli -, tudo se deve ao fato de Alice ter feito mais de um bilhão de dólares em sua estadia nos cinemas. Continuar lendo “Alice Através do Espelho”

[FORA DE SÉRIE] Superman Lives: o pior filme que não aconteceu

Por Luís Gustavo Cunha

 

Hoje, mais do que nunca, os super heróis estão enraizados como parte da nossa cultura. Os consecutivos sucessos de bilheteria, o alvoroço criado pelos trailers de Batman v Superman e Esquadrão Suicida, a popularização de personagens desconhecidos, como o Homem-Formiga e os Guardiões da GaláxiaOs heróis tomaram conta do cinema (e da TV!), e se consolidaram como um dos mais emblemáticos gêneros audiovisuais da atualidade. Continuar lendo “[FORA DE SÉRIE] Superman Lives: o pior filme que não aconteceu”

[REVIEW] Grandes Olhos

“Ah, se apenas o Tim Burton se dedicasse a fazer esse tipo de filme…”

 

Por Luís Gustavo Fonseca

Não sei o que pensar de Tim Burton. O diretor, dono de uma assinatura única, vive constantemente entre altos e baixos. Possui no currículo filmes como Edward Mãos de Tesoura, dois Batmans, o remake da Fantástica Fábrica de Chocolate, e o próprio (e contestado) Alice no País das Maravilhas, que confesso ter uma simpatia. Sua direção de arte, o visual de seus mundos, seu traço autoral, é um dos mais reconhecidos da indústria americana do cinema, igualada por muito poucos. Mesmo quando há tropeços, ele não tem medo de ser trazer uma estética arrojada e arriscada. Continuar lendo “[REVIEW] Grandes Olhos”

[FORA DE SÉRIE] This Is Halloween

Por Matheus Araujo

This is Halloween é a música de introdução do representativo O Estranho Mundo de Jack, animação da Touchstone (uma subdivisão da Disney) que na época de seu pré-lançamento, gerava dúvidas entre os executivos do estúdio não acerca de sua qualidade, mas da aceitação do perturbado mundo de Tim Burton pelas crianças. Tolinhos…

Continuar lendo “[FORA DE SÉRIE] This Is Halloween”